As lâmpadas de vapor

As lâmpadas de vapores, são lâmpadas de alta potência luminosa.  Atualmente existem diversos reagentes e tipos de lâmpadas de vapores. Todas elas têm uma ótima eficiência energética e custo benefício para suas finalidades.

As lâmpadas de vapor são lâmpadas de descarga, um dispositivo que transforma energia elétrica em energia luminosa.

Conheça os tipos de lâmpadas à vapor

1 – Lâmpadas de vapor de Sódio

Em 1962, foi inventada a Lâmpada de Sódio de Alta Pressão.

Sob alta pressão
A lâmpada a vapor de sódio sob alta pressão é eficiente, durável e confiável.  A lâmpada de sódio utiliza uma mistura de sódio com mercúrio, além de gases nobres que iniciam a ignição da lâmpada.
Curiosidade:
O maior obstáculo para a elaboração desse audacioso projeto, foi a confecção de um tubo de descarga que suportasse a agressividade do sódio sob altas temperaturas e pressões. A solução foi o desenvolvimento de um tipo especial de cerâmica translúcida, denominada alumina.

Sob baixa pressão
Foi desenvolvida por volta de 1930. Este tipo de lâmpada tem como princípio de funcionamento, a descarga em um tubo de vidro especial em forma de U, contendo uma atmosfera composta de 99% de neônio e 1% de argônio, além do sódio.

Curiosidade:
Esta lâmpada possui algumas peculiaridades que a tornam semelhante à lâmpada fluorescente, no que diz respeito às características funcionais, como por exemplo, os catodos aquecidos e o circuito de ligação, constituído de um reator e um starter, similares aos da lâmpada fluorescente.

2 – Lâmpadas de Vapor de Mercúrio

Em 1931 foi Inventada a lâmpada a vapor de mercúrio.

Sob alta pressão
A lâmpada de mercúrio sob alta pressão, como o próprio nome diz, é uma lâmpada que tem como princípio de funcionamento a descarga entre dois eletrodos imersos em uma atmosfera de argônio, com uma pequena quantidade de mercúrio. Para que a lâmpada a vapor de mercúrio possa funcionar com segurança, a mesma deve operar com reator, para que a corrente de tensão seja limitada a valores aceitáveis para o seu funcionamento.

3 – Lâmpadas de Vapor Metálico

 Sob alta pressão
A lâmpada de vapor de mercúrio com iodetos metálicos ou lâmpada de vapor metálico, é o aperfeiçoamento da lâmpada de vapor de mercúrio.  Sua diferença mede-se pela presença de iodetos metálicos, pelo seu desempenho e possibilidade de variar a coloração da lâmpada pela seleção dos iodetos metálicos colocados no interior do tubo de descarga.
Curiosidade:
Esse tipo de lâmpada, também conta com um revestimento de alumina nas extremidades do tubo de descarga, cujo objetivo é refletir o calor produzido para os eletrodos e impedir a condensação dos iodetos no interior do tubo.